Notícias

Quarta-Feira, 05 de Fevereiro de 2020 15:51

Militares sem previsão de quando vão receber fardamento do Estado

Os mais de sete mil policiais militares e bombeiros não vão receber o tão esperado kit fardamento tão cedo. Desde 2014, o governo estadual não libera o valor correspondente a 30% do salário de cada um para aquisição de uniforme.

Não se tem nem previsão de quando será aberta licitação, que geralmente demora em média seis meses para ser concluída. Com isso, o policial se vê obrigado a comprar o fardamento, que custa quase R$ 1 mil, incluindo coturno, camiseta, farda comum, gorro e cinto e alguns acessórios. As fardas das unidades especializadas são mais caras.

O comandante-geral da PM, coronel Jonildo José Assis, está buscando uma alternativa para o Estado fornecer o fardamento. Seria por meio de emenda parlamentar. No final do ano passado, esteve em alguns gabinetes de deputados em busca de apoio.

Fonte: RDNews

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}