Notícias

Quarta-Feira, 07 de Abril de 2021 13:03

INTERNACIONAL 2 - Imprensa internacional ressalta corredor ferroviário Lucas do Rio Verde (MT) - Ilhéus (BA)

Dois sites especializados em negócios e investimentos citam parceria do Banco Mundial com Governo Federal para viabilização do corredor ferroviário
Autor: José Boas

Conforme noticiado pelo LEIA LUCAS ontem (segunda-feira, 05), parceria firmada entre o Banco Mundial e o Ministério da Infraestrutura do Brasil fazem estudos para implementar um corredor ferroviário ligando Lucas do Rio Verde ao Porto de Ilhéus, na Bahia. Segundo informações, seria construído um braço ferroviário em Goiás ligando a FICO – Ferrovia de Integração do Centro-Oeste – à Fiol – Ferrovia de Integração Oeste-Leste. Concluído, o novo trajeto teria quase 2 mil quilômetros de extensão e se tornaria mais uma opção para o meio-norte de Mato Grosso escoar sua produção (leia matéria completa clicando aqui).

Hoje, (terça-feira, 06), a notícia foi abordada por dois sites internacionais especializados em investimentos e negócios.

O texto da BNAmericas, em inglês, destaca que “a linha, entre as cidades de Lucas do Rio Verde e Ilhéus, conectará o coração da região produtora de soja aos portos do Nordeste” (para ler a matéria completa, clique aqui). Já o mexicano Real Estate Market, que reproduz o texto em espanhol, dá destaque ao acordo firmado entre o Governo Federal do Brasil e o Banco Mundial e que a “concessão da estrada de ferro de cargas Fiol-FICO e entrega-la ao setor privado” (leia texto completo aqui).

Especialistas em comércio internacional procurados pelo jornalismo LEIA LUCAS destacaram, na tarde de hoje, que matérias assim contribuem para que a cidade e a região sejam mais conhecidas internacionalmente e, com o tempo, podem ajudar a fomentar o interesse de investidores estrangeiros na região.

Fonte: BNAmericas

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}