Notícias

Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2021 06:44

IBGE pede que população responda a PNAD Contínua por telefone

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) tem realizado a coleta das informações da PNAD Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua) de forma remota, por telefone, desde março do ano passado, devido à pandemia da covid-19. Dessa forma, o instituto consegue produzir os principais indicadores sociais do país, como trabalho, rendimento, educação e moradia, e ao mesmo tempo assegurar a saúde dos entrevistados e dos entrevistadores.

A PNAD Contínua tem uma rede de coleta com cerca de 2.000 pesquisadores que atuam continuamente para obter as informações em mais de 70 mil domicílios por mês em todos os estados brasileiros. Em Mato Grosso, são 60 entrevistadores que telefonam todo mês para mais de 1.800 residências. Cada domicílio, uma vez selecionado para a amostra da pesquisa, recebe a ligação do IBGE uma única vez no trimestre, por cinco trimestres consecutivos.
 
Segundo a analista da PNAD Contínua, Adriana Beringuy, o sucesso do trabalho depende de as pessoas atenderem o pesquisador do IBGE. “Nós produzimos uma informação que é muito desejada pela sociedade. Temos que entender que a sociedade somente vai ter essa informação na medida em que atender aos nossos entrevistadores. Somente por meio do depoimento e informações prestadas por cada um dos informantes é que a gente pode oferecer isso”, diz.

“É um grande desafio, mas temos ciência de que nosso trabalho é extremamente fundamental, sempre foi, tanto em tempos de normalidade sanitária como agora nesse período em que a economia e o mercado de trabalho em particular têm sido tão afetados pela pandemia", ressalta Adriana.
 
Ao receber o telefonema para a entrevista da PNAD Contínua, o morador pode solicitar o número do RG, CPF ou da matrícula do agente e checar a identidade por meio do portal Respondendo ao IBGE (https://respondendo.ibge.gov.br/) ou pela Central de Atendimento, pelo telefone 0800-7218181, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e das 10h às 14h, aos sábados, domingos e feriados.

Em Mato Grosso, o cidadão também pode ligar para o 190, pois há uma parceria do IBGE com a Sesp-MT (Secretaria de Estado de Segurança Pública): os atendentes do Ciosp (Centro Integrado de Operações de Segurança Pública) foram treinados para confirmar a identidade dos agentes do IBGE.

O IBGE alerta também que os entrevistadores não pedem códigos nem enviam links e nunca solicitam dados bancários. Além disso, por lei, as informações prestadas ao IBGE são sigilosas, usadas exclusivamente para fins estatísticos e nenhuma resposta será divulgada individualmente. Os resultados das pesquisas são essenciais para a definição de políticas públicas, para o planejamento de investimentos e para melhoria das condições de vida da população.

Fonte: IBGE

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}