Notícias

Sábado, 03 de Abril de 2021 15:33

FALECIMENTO: Agnaldo Timóteo, 84 anos, é vítima de COVID-19

Cantor estava internado desde o último dia 17 de março no Hospital Casa São Bernardo, no Rio de Janeiro
Autor: José Boas

Faleceu hoje (sábado, 03) o cantor Agnaldo Timóteo. Ele estava internado desde o último dia 17 de março no Hospital Casa São Bernardo, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, cidade que o acolheu e viu seus primeiros passos rumo ao estrelato.

Agnaldo Timóteo Pereira era mineiro de Caratinga e nasceu dia 16 de outubro de 1936. No começo da carreira se apresentava em circos, até conseguir as primeiras oportunidades para se apresentar em shows de calouros, enquanto trabalhava como torneiro mecânico para se sustentar.

No entanto, foi um golpe de sorte, já no Rio de Janeiro, que mudou sua vida. Ao se mudar para a Cidade Maravilhosa em busca de oportunidades na música, conseguiu emprego como motorista da cantora Ângela Maria. Foi ela que conseguiu que ele tivesse a oportunidade de gravar seu primeiro álbum, em 1961. Com o sucesso, veio a oportunidade de participar de programas da Jovem Guarda. Seu primeiro grande sucesso foi Meu Grito (assista clicando aqui).

Ao todo, Agnaldo Timóteo gravou 50 discos e atingiu diversas vezes o TOP 10 das músicas mais tocadas no Brasil.

POLÍTICA – Em 1982, pelo PDT, Agnaldo Timóteo foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro, mas mudou-se para o PDS (atual PP) por desentender-se com o cacique Leonel Brizola. Em 1994 voltou a ser eleito para uma cadeira na Câmara Federal, mas não concluiu o mandato, tendo renunciado para assumir o cargo de vereador na cidade do Rio de Janeiro. Ele ainda seria eleito, pelo mesmo PP, para dois mandatos como vereador na cidade de São Paulo, nos anos de 2004 e 2008.

SAÚDE DEBILITADA – Fora dos palcos e com a saúde debilitada por conta de um AVC em 2019, Agnaldo Timóteo mantinha uma vida mais tranquila em sua casa.

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}