Notícias

Terça-Feira, 20 de Abril de 2021 18:57

CPI DA COVID - Bolsonaro diz a evangélicos que números começaram a cair por medo de investigação

“Começou a cair o número de mortes por covid porque eles têm medo que eu consiga uma investigação na frente”, disse o presidente, em visita a líderes evangélicos
Autor: José Boas

BRASÍLIA – Na tarde desta terça-feira (20), em visita de líderes evangélicos da cidade de Anápolis-GO (148km de Brasília) ao Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro disse que as mortes causadas pela COVID-19 têm caído nos últimos dias porque prefeitos e governadores estão com medo das investigações que poderão ocorrer daqui para frente. Segundo ele, um levantamento minucioso sobre a natureza das mortes registradas poderia concluir que houve aumento proposital nos números como tentativa de desestabilizar o governo. 

MEDO DAS INVESTIGAÇÕES – Para o presidente, o índice de mortes por COVID-19 “começou a cair porque eles têm medo que eu consiga uma investigação na frente e vão ver lá que muito óbito foi colocado 'suspeita de covid' para exatamente inflar números e pressionar a população contra o nosso governo”. Parte do encontro foi transmitida pelas redes sociais através de canais pessoais dos participantes.

Esta não é a primeira vez que o presidente da República fala sobre suas suspeitas. Em sua live semanal das quintas-feiras, ele já havia feito comentário semelhante: “Curiosidade né? Sabemos da questão do vírus, da covid, mata muita gente e etc, mas parece que os números começaram a cair depois que a CPI lá do Senado incluiu também investigação em cima de governadores e prefeitos".

OUTRAS DOENÇAS – Bolsonaro também teria solicitado ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que fosse feito um levantamento sobre as mortes causadas por outras doenças durante o período de pandemia declarada, no Brasil. Para o presidente, “é necessário lidarmos com números concretos de mortes causadas pelo vírus”.

Números do Ministério da Saúde indicam que o País já ultrapassou a marca das 375 mil  vítimas do novo coronavírus.

Fonte: Agência Brasil

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}