Notícias

Quarta-Feira, 18 de Novembro de 2020 06:36

Criminosos se passam por secretário de Cultura e pedem dinheiro para conhecidos

Um golpista está se passando pelo secretário de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Alberto Machado, para pedir dinheiro por meio de aplicativo de mensagens. Nesta terça (17), a mãe do secretário foi uma das vítimas e depositou R$ 2 mil na conta dos criminosos.

De acordo com o relato de Machado, colocaram uma foto dele com a sua família em um outro número. Golpistas, então, anunciaram suposta mudança de telefone aos contatos próximos e pediram para que os conhecidos anotassem na agenda telefônica.

“Para minha mãe, por exemplo, falaram como se eu tivesse trocado de número. Depois de umas três horas mandaram mensagem e pediram ajuda no valor de R$ 2 mil e disseram que eu precisava pagar um boleto”, explicou.

Principal preocupação do secretário é que outras pessoas sejam vítimas, por ele ter uma ampla rede de contatos. No entanto, já registrou boletim de ocorrências e tomou as medidas que o caso requer.

Outro golpe

Em outubro, outro secretário do Governo Mauro Mendes foi alvo de golpe por parte de falsários. Um bandido se passou pelo secretário-chefe da Casa Civil Mauro Carvalho e também pediu dinheiro a parentes e conhecidos dele.

O caso foi denunciado pelo próprio governo para alertar as pessoas. Na ocasião, o Palácio Paiaguás informou que uma pessoa, utilizando o número de celular (66) 9683-2247, estava abordando  pessoas e pedindio que fizessem depósitos em dinheiro em uma conta corrente da Caixa Econômica Federal.

O secretário informou, à época, que tem o mesmo celular há 10 anos e não tinha conta na Caixa. A Polícia Civil abriu procedimento para investigar a ocorrência. 

Fonte: RDNews

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}