Mais três delegacias são fechadas em MT

» Segurança

Por G1 em 21 de Maio de 2019 ás 06:38

Conforme anunciado pelo governador Mauro Mendes (DEM), em março deste ano, três, das 16 delegacias previstas foram fechadas recentemente, nos municípios de Carlinda, União do Sul e Castanheira, a 724 km, 689 km e 780 km de Cuiabá, respectivamente. Entretanto, embora as atividades já tenham sido encerradas, a Polícia Civil ainda está desocupando o local.

Além dessas, encerraram as atividades as delegacias de Alto Paraguai, Nova Marilândia e Santo Afonso. Entre os dias 23 e 25 deste mês devem ser fechadas as unidades de Ponte Branca, São José do Povo e Tesouro.

Ainda segundo o cronograma previsto pelo governo, nos dias 28 e 29 devem ser fechadas as delegacias de Acorizal, Jangada e Nossa Senhora do Livramento. De acordo com o anúncio, ficam faltando as delegacias de Luciara, Novo Santo Antônio, Nova Lacerda e Bom Jesus do Araguaia.

Segundo o governador, a medida foi tomada como forma de conter gastos. Além disso, segundo ele, o quadro de servidores está abaixo de 57% para delegados, 58% para escrivães e 53% para investigadores, devido à falta de concursos públicos para os cargos, principalmente, investigador e escrivão, nos últimos quatro anos.

O governo fez um estudo técnico que considerou a necessidade de suspensão das atividades dessas delegacias em razão de não apresentarem atendimento eficiente à sociedade, serem mantidas com média de dois a três policiais e gerarem custo financeiro anual de mais de R$ 840 mil - com aluguéis de prédios, energia elétrica e viaturas locadas.

A suspensão das atividades das delegacias, segundo o estado, foi aprovada pelo Conselho Superior de Polícia e tem o respaldo da Secretaria de Estado de Segurança Pública e do Governo do Estado.

 

» Mais Imagens