Novo chefe do MPE anuncia Zaque no comando de Gaecos regionais

» Mato Grosso

Por Midia News em 03 de Março de 2019 ás 07:24

O promotor de Justiça Mauro Zaque passará a acumular as ações do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público do Ministério Público Estadual (MPE) com o comando dos Grupos de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) no interior de Mato Grosso. A informação foi confirmada pelo procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges, durante solenidade de sua posse, na sexta-feira (1º).

Borges comandará o MPE no biênio de 2019/2021 e adiantou que uma de suas prioridades é fortalecer o combate às organizações criminosas e à corrupção e, daí, a ideia de interiorizar o Gaeco.

 “O promotor Mauro Zaque fará a coordenação dos Gaecos regionais, sem perder as atribuições dele aqui na área do Patrimônio, onde tem demandas importantíssimas nas mãos dele”, disse o novo procurador.

Borges afirmou também que, para auxiliar o trabalho dos promotores de Justiça, serão criados e implementados os Centros de Apoio Operacionais (CAOs). Esses centros contarão com  profissionais especializados em diversas áreas, como contabilidade, engenharia civil e florestal, geologia e biologia, para realização de perícias.

Cada centro será coordenado por um promotor de Justiça, que potencializará a atuação unificada nas questões comuns das promotorias. Em relação à atuação institucional, o procurador-geral garantiu que manterá o diálogo com os poderes em defesa das prerrogativas dos integrantes da carreira, do orçamento e do duodécimo.

Segundo ele, o Ministério Público manterá comunicação direta com a presidência do Tribunal de Justiça sobre demandas consideradas prioritárias, buscando assegurar as respostas necessárias com a máxima agilidade.

O novo procurador disse, ainda, que temas que possam afetar, direta ou indiretamente, a atuação dos promotores de Justiça, a exemplo da proposta de extinção de comarcas, serão discutidos de forma ampla para uma solução negociada.

 

» Mais Imagens