Atleta do Guarani flagrado no antidoping pode devolver Luverdense à série B

» Luverdense

Por Sergio Nery em 23 de Novembro de 2017 ás 07:46

Divulgação

O atacante Eliandro, do Guarani de Campinas, foi flagrado no exame antidoping depois do jogo contra o Paraná Clube, quando o alviverde venceu em Curitiba, por 1 a 0. A partida foi realizada em 10 de junho, mas a confirmação veio após o jogo contra o Oeste, no dia 7 de outubro.

Eliandro foi suspenso do futebol por 30 dias, e pode complicar a situação do Guarani. O jogador pode pegar um gancho de até dois anos. A legislação diz que um clube somente pode ser responsabilizado por perda de pontos em caso de mais de dois atletas serem flagrados em exame antidoping em uma mesma partida.

Ou seja, como somente há dois jogadores sorteados em exames no mesmo jogo, e ainda em equipes diferentes, a hipótese de condenação do clube é considerada "muito remota". A Confederação Brasileira de Futebol estaria analisando a legislação e a sumula da partida entre Guarani e Luverdense, quando o empate decretou a queda do Luverdense e a permanência do Bugre para a série B em 2018.

Eliandro teria sido relacionado pelo treinador Lisca, e conforme o entendimento do Departamento Jurídico da entidade máxima do futebol brasileiro, existe a possibilidade da perda de pontos, o que inverteria as posições das equipes, o que manteria o Luverdense na segunda divisão do futebol nacional e o Guarani seria o rebaixado.

O assunto é tratado com cuidado no Passo das Emas. Em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira, o Presidente Helmute Lawisch falou sobre a queda da equipe, a possibilidade de redução de receita e o desafio de retornar à série B. Helmute agradeceu ao agora ex treinador Junior Rocha pela historia construída no clube e declarou confiança no substituto, Odil Soares.

Mesmo que diga não olhar para o tribunal, que pode recolocar o Luverdense na elite, a diretoria acompanha a preparação da equipe, que enfrenta o Náutico na tarde de sábado no Passo das Emas. Com vários desfalques por suspensão e dispensa, Odil garantiu que vai mandar a campo uma equipe comprometida, cuja motivação de cada atleta é garantir espaço no grupo para a próxima temporada.

» Mais Imagens