Com novas obras de drenagem e pavimentação, Espaço do Empreendedor terá mais 218 lotes

» Lucas do Rio Verde

Por Ascom Prefeitura/Carolina Matter em 06 de Abril de 2019 ás 07:38

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde está realizando obras de drenagem pluvial na etapa 5 do Espaço do Empreendedor. A área, destinada especificamente para empresas e indústrias, está localizada às margens da Rodovia MT-449.

Serão realizados 27 mil metros quadrados de obras. O intuito é deixar esta etapa pronta para oportunizar novos investidores a Lucas do Rio Verde.

“Estamos executando as obras da melhor forma para ter em breve mais lotes disponíveis para oferecer aos empresários que estão procurando se instalar no Espaço do Empreendedor. São 218 lotes a mais nesta etapa. E com a instalação de novas empresas, é geração de mais emprego, de mais renda, mais receita para o município e, inclusive, ofertar aos munícipes e os comércios uma diversificação maior de produtos e serviços”, destacou o diretor de Desenvolvimento Sustentável, Zeca Picolo.

Com a conclusão das obras de infraestrutura da etapa 5, o Espaço do Empreendedor contará, até o segundo semestre deste ano, com 509 lotes.

O secretário de Infraestrutura e Obras, Gerson Franke, ressalta que esta é uma obra estratégica para o município. “Começamos a parte da drenagem pluvial há 30 dias e, posteriormente, já vem a terraplenagem e a pavimentação desse espaço, incluindo meio fio. E paralelo ao trabalho de pavimentação, o Saae também vai fazer a parte da água e esgoto, e para finalizar executaremos também a parte da energia elétrica, deixando o espaço pronto para receber novos empreendedores”, comentou Gerson, enfatizando que “a previsão é de que até o final do mês de junho todas as obras de infraestrutura básica estejam finalizadas”.

As obras estão sendo feitas com execução direta pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras, gerando uma economia de 50% no valor caso a obra fosse terceirizada. “Se fossemos licitar esta obra, sairia em torno de R$ 4 milhões, sendo feita execução direta, com a compra de materiais produzidos na Fábrica de Artefatos de Cimento, anexa ao CDP, e com mão de obra e maquinário próprios, com apenas metade do valor, R$ 2 milhões, será possível fazer tudo que precisa”, explicou Franke.

Desde 2014, quando começou o Espaço do Empreendedor, já foram vendidos 205 lotes, para cerca de 90 empresas. Transportadoras, metalúrgicas, distribuidoras, cerealistas, fábricas de móveis, comércio de materiais para construção e até cervejaria são alguns dos segmentos empresariais que passaram a fazer parte do Espaço do Empreendedor, em Lucas do Rio Verde.

 

» Mais Imagens