Policial civil sai do coma e já consegue falar e movimentar perna

» Giro Policial

Por Midia News em 28 de Novembro de 2017 ás 07:11

O policial civil Sidney Ribeiro dos Santos, que foi baleado no rosto em confronto com sequestradores em Cuiabá, foi retirado do coma induzido no domingo (26). De acordo com o delegado Vitor Hugo Bruzulato, titular Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (DERRFVA), onde o policial está locado, Sidney está se recuperando bem. 

 “Ele já está conversando e também já consegue movimentar a perna direita”, disse. Um dos temores dos médicos era de que Sidney ficasse paraplégico.

O investigador foi atingido durante operação para resgatar a empresária Milene Falcão Eubank, sequestrada no início da noite do último dia 17. Ele está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital São Benedito.

Inicialmente, o policial foi levado para o Pronto-Socorro de Cuiabá, onde passou por uma cirurgia para a retirada do projétil. “Ainda não há previsão de alta da UTI, mas ele está se recuperando muito bem e em breve deve apresentar novas evoluções", pontuou.

O caso

A empresária Milene Falcão Eubank foi sequestrada enquanto buscava o filho em uma escola de reforço no Bairro Quilombo, em Cuiabá, no início da noite do dia 17 de novembro. Ela foi resgatada após cerca de 12 horas de cárcere privado no Bairro Centro América. Conforme a Polícia, o sequestro ocorreu após um veículo com cinco bandidos se aproximar do Hyundai Santa Fé, de cor branca, da empresária.

Dois homens desceram do carro, abordaram Milene e saíram com o carro da vítima, com ela junto. O delegado Vitor Hugo Teixeira relatou que, inicialmente, os bandidos tentaram roubar apenas o veículo, porém perceberam que a vítima poderia oferecer mais. “Eles perceberam o poder aquisitivo e começaram a fazer a extorsão”, afirmou.

Nas diligências em busca da empresária, policiais e bandidos entraram em confronto e Sidney acabou baleado. Oito criminosos já foram presos. Um continua foragido.

» Mais Imagens