Crimes eleitorais em MT crescem neste pleito, segundo Justiça Eleitoral

» Eleições

Por 24 Horas News em 28 de Outubro de 2018 ás 06:47

As apreensões feitas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT), somadas as fianças e pagamentos efetuados em razão da prática de crimes eleitorais, aumentaram em 56% neste ano de 2018. O comparativo diz respeito apenas ao primeiro turno das eleições comparado aos dois turnos das eleições de 2016.

Os números foram obtidos pelo Sistema de Registro de Ocorrências Penais e Inelegibilidades do Tribunal (Siropi). Detalhando o valor recolhido neste primeiro turno, foram apreendidos R$ 152,7 mil, outros R$ 55,9 mil foram pagos em fianças, e R$ 22,5 mil pagos em multas e outras pecúnias judiciais.

Ao todo, foram recolhidos R$ 231,2 mil até o dia 7/10/2018, sendo que nas eleições de 2016 foram recolhidos R$ 148 mil. Comparando com os anos anteriores, de 2007 até julho de 2016, o TRE-MT havia recolhido R$ 156,9 mil.

 

» Mais Imagens