Neri Geller puxa a lista dos mais lembrados para deputado federal

» Eleições

Por RDNews em 13 de Setembro de 2018 ás 07:49

Dois nomes se destacam nas intenções de voto à Câmara Federal, o do ex-ministro da Agricultura Neri Geller (PP) e do jovem Emanuelzinho Pinheiro (PTB), filho do prefeito da Capital Emanuel Pinheiro. Pesquisa espontânea do instituto Mark, realizada entre 7 e 11 deste mês e divulgada com exclusividade pelo , traz Neri com 2,4% e Emanuelzinho com 2,2%.

Nesta amostragem espontânea, em que o entrevistado não conta com ajuda da lista dos candidatos, o universo de indeciso é considerável. Chega aos 70,5%. E 13,9% disseram que hoje anulariam o voto. Aliás, o resultado da pesquisa não traz qualquer segurança quanto à eleição. Serve tão somente para se ter ideia dos mais lembrados espontaneamente pelos entrevistados.

A Mark ouviu 1.086 eleitores de 81 municípios. Com nível de confiança de 95% e uma margem de erro de 2,5% para mais ou para menos, a pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral sob número MT-01860/2018.

Aparece em terceiro lugar, com 1,3%, o candidato Vander Masson (PSDB), filho do deputado estadual Saturnino Masson (PSDB). Em seguida, vem o político mais longevo de Mato Grosso e que pleiteia o 10º mandato eletivo, o deputado federal Carlos Bezerra (MDB), que pontua com 1,1% das intenções de voto e tenta a reeleição. O ex-prefeito de Sinop, Juarez Costa (MDB) está com 1% e,  professor e ex-reitor da Unemat Adriano Silva (DEM), com 0,9%.

Também figuram nesta amostragem espontânea o advogado Rogério Silva (MDB), de Tangará da Serra, e a ex-secretária de Educação, Rosa Neide (PT), ambos com 0,8%. Outros 23 candidatos são lembrados com percentuais entre 0,5% e 0,1%.

Renovação

Se o resultado nas urnas no dia 7 de outubro seguir a tendência apresentada pela pesquisa Mark, a bancada federal de Mato Grosso contaria com um índice de 87% de renovação, o que corresponde a sete deputados inéditos dos oito assentos que pertencem ao Estado na Câmara.

Apesar deste cenário, a renovação na Câmara será de pelo menos 50%, já que quatro deputados concorrem a outros cargos eletivos ou desistiram da reeleição, sendo eles Fábio Garcia (DEM), que é 1º suplente de Jayme Campos (DEM) rumo ao Senado, Nilson Leitão (PSDB) e Adilton Sachetti (PRB) que também são candidatos ao Senado e Ságuas Moraes (PT), que desistiu de continuar na política.

A outra metade da bancada tenta reeleição. Na pesquisa da Mark, Victório Galli (PSL) pontua 0,4% na pesquisa espontânea, o mesmo que Ezequiel Fonseca (PP), também com 0,4%, Valternir Pereira (MDB) está com 0,3%, e Carlos Bezerra (DEM), que segundo a Mark é o candidato que tenta reeleição com maior preferência entre os eleitores.

 

» Mais Imagens