Seminário apresenta reorganização da proposta curricular da rede municipal

» Educação

Por Ascom Prefeitura/Francieli Cela em 18 de Dezembro de 2018 ás 07:36

Profissionais da rede municipal de ensino participaram nesta segunda-feira (17) do seminário “Reorganização da Proposta Curricular da Rede Municipal de Ensino de Acordo com a BNCC”, organizado pela Secretaria Municipal de Educação e Conselho Municipal de Educação de Lucas do Rio Verde.

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é um documento normativo que define o conjunto progressivo de aprendizagens essenciais que todos os alunos devem desenvolver ao longo da Educação Básica.

Após a aprovação da BNCC, em 2017, as redes de ensino começaram a preparar seus processos de planejamentos e implementação, que serão cruciais para que a BNCC cumpra o seu papel de promover mais qualidade e equidade na aprendizagem dos estudantes.

A secretária municipal de Educação, Cleusa De Marco, destacou que neste dia a construção da proposta foi socializada com os profissionais, o conselho já fez a análise da proposta e vai emitir o parecer orientativo. “Estamos finalizando um trabalho em que todos se envolveram, na construção e reestruturação do currículo da nossa rede municipal de ensino, para garantir os direitos de aprendizagem de todas as crianças matriculadas na nossa rede. A BNCC trouxe os conteúdos mínimos que todas as crianças do país inteiro devem dominar ao final de cada fase de ensino e Lucas do Rio Verde também participou desta construção e está homologando durante a próxima semana a reestruturação do currículo de toda a rede de ensino que será implementado em 2019”.

O estado e municípios planejaram de forma articulada o processo para elaboração do Documento Curricular para o Estado de Mato Grosso, por meio dos grupos de trabalho de currículo. A intenção é implementar o novo currículo no próximo ano letivo de 2019.

 “A proposta curricular traz habilidades e competências que cada criança deve dominar ao final de cada fase de ensino e para isso devemos trabalhar muito a formação dos profissionais da educação para que este direito seja garantido para todas as crianças. Dessa forma, caminhamos mais um passo para a melhoria da qualidade da educação luverdense”, relatou Cleusa.

Durante o evento, foi realizada apresentação da proposta curricular da rede municipal por segmento: educação infantil e ensino fundamental (linguagem, matemática, ciências da natureza, ciências humanas, ensino religioso e filosofia); e do parecer do Conselho Municipal de Educação.

De acordo com a presidente do Conselho Municipal de Educação, Michelene de Britto, além da padronização da base nacional, o novo processo metodológico permite que a criança aprenda a desenvolver habilidades e competências em relação aos conteúdos didáticos programados.

“No nosso município já tínhamos uma proposta educacional e agora ela foi reorganizada de acordo com a BNCC. A base nacional está inclusa na nossa proposta e precisamos avançar, a partir de agora o nosso aluno vai poder desenvolver habilidades e competências seguindo os conteúdos programados”, explicou Michelene.

 

» Mais Imagens