Técnico de seleção que jogará na Arena Pantanal sofre tentativa de assalto

» Copa do Mundo

Por Olhar Direto em 10 de Junho de 2014 ás 06:55

Alguns integrantes da seleção da Bósnia-Herzegovina passaram por uma tentativa de assalto na noite deste domingo no litoral de São Paulo. Os bósnios, que estão a pouco mais de três dias concentrados em um hotel de luxo perto da Praia da Enseada, no Guarujá, resolveram caminhar na praia, quando passaram a ser seguidos por três suspeitos.

Seguindo regras da FIFA, os integrantes das seleções são acompanhados por forças de segurança, porém, segundo informações do G1, na noite do último domingo (08), pelo menos três grupos se dirigiram para áreas diferentes e acabaram causando um problema logístico. O técnico Safet Susic e os auxiliares Elvir Baljic, Borce Sredojevic, Tomislav Piplica e Elvir Rahimic estavam juntos e sofreram com o incidente.

Segundo informações da Polícia Militar de São Paulo, três suspeitos, todos de bicicleta, passaram a seguir o grupo. No momento em que os prováveis assaltantes tentaram aproximação acabaram sendo surpreendidos por uma viatura da PM. Ao notar a presença da polícia, o grupo resolveu se separar e cada um fugiu por um caminho diferente. De acordo com a PM, a reação aponta para uma possível tentativa de assalto.

Susic e os outros membros da comissão técnica foram acompanhados de perto pela polícia até o retorno ao hotel, que ocorreu sem novos problemas. A Bósnia jogará na Arena Pantanal, contra a Nigéria, no dia 21 de junho, em partida válida pela primeira fase da Copa do Mundo de Futebol. Depois do acontecido em São Paulo, alguns integrantes da seleção esboçaram preocupação com a segurança em terras brasileiras.

» Mais Imagens