Bolsonaro diz querer Alexandre Frota como ministro da Cultura

» Brasil

Por Estadão em 29 de Março de 2018 ás 09:00

O polêmico ator Alexandre Frota se tornou um dos mais ativos cabos eleitorais do pré-candidato a presidente, deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) e já foi até convidado, ainda que em tom de brincadeira, para ser ministro da cultura em uma eventual gestão do parlamentar. “Se você quer me ver presidente um dia eu quero te ver ministro da cultura, já imaginou, cara?”, disse Bolsonaro no vídeo com o  “recado do capitão”, postado por Frota em seu Twitter na manhã desta quarta-feira (28).

O ator também compartilhou “intimações” de Bolsonaro pai e do filho dele, Eduardo Bolsonaro, para que ele se filiasse ao PSL e colocou a sigla do partido em suas redes sociais. “Vamos juntos, obrigado PSL”, disse. A filiação oficial, segundo a assessoria do partido, ainda não ocorreu e não foi informado a qual cargo Frota pretende concorrer.

Em sua página, o ator informou ter deixado o Patriotas nessa terça-feira (27) por divergências com os evangélicos da legenda por causa do seu passado como ator de filmes pornográficos. “Estou deixando hoje o Patriota 51 por alguns motivos. O primeiro a ala evangélica não me quis lá por causa de filme pornô. O segundo querem mexer no regulamento do Partido para na Estadual  possivelmente se coligarem com o PCdoB e eu não aceito”, disse.

Ao se filiar à antiga legenda, Frota cogitou ser candidato a governador de São Paulo.

O ator tem em suas páginas fotos de capa com Bolsonaro e se apresenta como um lutador pelo Brasil. Ele usa o espaço para pedir voto para o presidenciável e diz que “é hora de ser radical” e “brasileiro”, pedindo um “basta à corrupção”. Bolsonaro sobre caravana em Curitiba: "Quem leva mais pessoas para as ruas sem pagar" 

Frota anunciou em suas páginas sua presença acompanhando Bolsonaro no aeroporto de Curitiba nesta quarta-feira (28). Nas páginas, o ator segue com opiniões polêmicas, como  proposta de dissolução do Supremo Tribunal Federal, que, para ele, está “a serviço de Lula”.

 

» Mais Imagens