Agricultores participam de capacitação para uso de pasteurizadores

» Agricultura

Por Ascom Prefeitura/Carolina Matter em 05 de Junho de 2018 ás 06:31

Dez produtores da Agricultura Familiar de Lucas do Rio Verde participaram de uma capacitação para uso de pasteurizadores lentos. As famílias, que estão cadastradas no Selo de Origem Municipal, foram beneficiados com equipamentos para pasteurização adquiridos pela Prefeitura de Lucas do Rio Verde por meio de repasse do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O treinamento foi realizado no final de maio por uma empresa de Minas Gerais, que venceu o processo licitatório e vendeu os equipamentos. O objetivo foi capacitar os produtores para o bom uso dos equipamentos e ofertar curso de como fabricar queijos, iogurtes e outros derivados de leite.

Além de entender mais sobre o manejo e os processos, os agricultores também puderam aprender sobre as boas práticas de fabricação e preparo de derivados de leite, como higienização alimentar, tratamento do leite, filtração, resfriamento, processamento e pasteurização, os tipos de queijo e iogurtes de sabores variados.

A pasteurização lenta é o tipo de pasteurização que é realizada por um longo período de tempo, podendo a temperatura empregada ser alta ou baixa, condicionada à finalidade a que se destina. O procedimento consta do aquecimento, empregando um ou mais tanques de parede dupla com invólucro externo isotérmico. Dentro deste, circula água aquecida por vapor, água industrial ou água gelada. O leite é aquecido dentro do tanque e a temperatura é mantida sob determinado período de tempo, após o qual o leite é resfriado através da substituição do calor por água gelada, água industrial ou outro agente refrigerante.

A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente informou que os equipamentos estão auxiliando muito as famílias no processo de geração de renda, além de incentivar a produção de alimentos com qualidade e que atendam todos os requisitos de vigilância e saúde.

 

» Mais Imagens